Postado em 30 de Julho às 11h31

5 lições para liderar amanhã

Artigos (37)
P&P Consultoria -Desenvolvimento Humano e Organizacional Para especialista, a digitalização avançou tanto que será impossível voltar ao que éramos. Será preciso virar a chave do pensamento. A...

Para especialista, a digitalização avançou tanto que será impossível voltar ao que éramos. Será preciso virar a chave do pensamento.

A pandemia trouxe uma série de mudanças e provocou uma antecipação forçada do futuro. Não há como fugir de algumas questões, por exemplo, rever a forma de liderar e a possibilidade enorme de fazê-lo remotamente. E, para isso, virar a chave do funcionamento mental, o mindset. “A digitalização avançou tanto que será impossível voltar ao que éramos”, comenta o especialista de carreiras, Adriano Lima, fundador da AL+ People & Performance Solutions. Em um curto período, empresas tiveram que se reorganizar, redefinir seus modelos de negócios, colocar seus profissionais em trabalho remoto, entre outras ações. Diante de tantos desafios, talvez nunca cogitados, o especialista com mais de 25 anos de atuação em grandes empresas listou cinco lições que os líderes precisam colocar em prática com urgência:


1. APRENDER, APRENDER E APRENDER
Os problemas acontecem o tempo todo e se tornam mais complexos a cada momento. A aprendizagem para os líderes é fundamental. Por isso, um gestor precisa ser exemplo, buscar métodos diferenciados, olhar sob novas perspectivas, enxergar seus talentos e estar aberto a novas ideias e sugestões.


2. O FUTURO É AQUI E AGORA
Estamos em um mundo tecnológico e repleto de possibilidades. Faz parte do papel do líder garantir a produtividade de sua equipe nesse novo contexto. Isso quer dizer requalificar a força de trabalho para o ambiente digital.


3. SABER LIDERAR A SI MESMO
Em um mundo pós-Covid não há espaço para gestores que só sabem gerir. Liderança é a prática de influenciar outras pessoas a atingir os resultados desejados. O PAPEL DO LÍDER NÃO É TER TODAS AS RESPOSTAS, MAS PERMITIR QUE ELAS SEJAM ENCONTRADAS EM CONJUNTO. É necessário saber liderar a si mesmo, entender seus medos e o que é preciso melhorar. Sem o autoconhecimento, não há como seguir organicamente no topo.

 

4. EMPATIA ACIMA DE TUDO
Nessa atmosfera desafiadora criada pelo coronavírus, o líder precisa estar presente. A engrenagem precisa rodar, mas o controle de cobranças não é eficiente. 

Pratique:
• Ao invés de reclamar, apoie;
• ao invés de criticar, oriente;
• ao invés de falar, escute;
• ao invés de julgar, pesquise;
• ao invés de interferir, pergunte;
• ao invés de cobrar, incentive.


5. DE OLHO NO QUE VIRÁ
É mandatório estar preparado para a adversidade a qualquer momento. As transformações exigem adaptação e agilidade. Quebre tabus, desconstrua paradigmas, saia da caixa e incentive que sua equipe faça o mesmo. Lembre-se: mar calmo nunca fez bom marinheiro.


Fonte: Melhor Gestão de Pessoas

Veja também

As pequenas coisas que fazem os funcionários se sentirem valorizados14/05 Algumas empresas tentam implementar programas mais significativos e oferecem prêmios específicos aos que, digamos, criaram ou lideraram uma iniciativa importante, “incorporaram” os valores da organização ou exerceram algum impacto relevante. Contudo, essa abordagem também apresenta problemas: os prêmios podem ser vistos como uma oportunidade elitista destinada......
O líder do futuro precisa de mais empatia02/07 Passada a pandemia, qual o perfil de liderança vai sobressair? No pacote de competências estão entender a si mesmo e os outros, aprender a criar empatia, criar e respeitar diferenças pessoais, entre outras. Com a necessidade de......
O papel do RH no pós-pandemia09/07 Será necessário ressignificar o trabalho e as relações. E é justamente o RH quem poderá propiciar tudo isso. Muito se tem falado sobre o novo normal e como serão os desafios daqui para frente.......

Voltar para NOVIDADES