Postado em 02 de Dezembro de 2019 às 21h15

Inteligência Emocional para a carreira

Artigos (96)
P&P Consultoria - Desenvolvimento Humano e Organizacional A Inteligência Emocional pode trazer benefícios à carreira profissional e empresas, melhorando rendimento, produtividade e comprometimento Com os avanços...

A Inteligência Emocional pode trazer benefícios à carreira profissional e empresas, melhorando rendimento, produtividade e comprometimento

Com os avanços da tecnologia, impulsionada pelo que chamamos de 4a. Revolução Industrial, muitas mudanças chegaram ao mercado e ambiente de trabalho. Novas profissões, novos perfis de profissionais, novos hábitos e comportamentos são somente alguns exemplos.

Diante dessas transformações, como os profissionais lidam com os desafios e obstáculos impostos à sua carreira ou até mesmo à sua vida pessoal? A Inteligência Emocional pode ser a resposta e a solução, como uma prática fundamental para a sobrevivência e tomada de decisões na vida de qualquer pessoa.

Tratando-se de trabalho e das importantes decisões na vida, segundo Rodrigo Fonseca, especialista Emocional e presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional (SBIE), a IE pode mudar o rumo de uma carreira. “Nossas decisões moldam a realidade que vivenciamos hoje e futuramente, e todas as decisões são tomadas pelo emocional, mas justificadas pela razão”, afirma.

Fonseca comenta também sobre um grande problema no perfil de alguns trabalhadores, como a procrastinação, isto é, adiar algo por dias muito em razão de algum transtorno ou esgotamento fisico ou mental, que pode vir a atrapalhar a produtividade do profissional. “A inteligência Emocional aplicada na prática tem o potencial de fazer com que a pessoa se comprometa com seus objetivos pois a ação é um dos pilares mais importantes da IE”, comenta.

Fonte: Revista Melhor Gestão de Pessoas

Veja também

O desafio possível do futuro do trabalho: transformação digital do RH e engajamento dos colaboradores08/07 Entenda as ondas que perpassam a trilha da reestruturação dos processos gerais e da mudança de mindset. A inovação e a tecnologia disruptiva em Recursos Humanos já eram uma tendência de mercado que, com a pandemia, foi acelerada. Pode ser traduzida como uma reestruturação natural dos processos gerais (rotinas habituais). É fato que, à......
Empresas precisam ouvir mais os colaboradores. Como fazer?21/05/20 Em um período de incertezas e ansiedade, estar mais próximo dos funcionários é fundamental! Muitas empresas se viram obrigadas, da noite para o dia, a colocar boa parte de sua mão de obra (se não toda) para......

Voltar para COMPARTILHANDO

USO DE COOKIES

Nós utilizamos cookies com objetivo de prover a melhor experiência no uso do nosso site. Por favor, leia nossa Política de Privacidade e nossos Termos & Condições para entender quais cookies nós usamos e quais informações coletamos em nosso site. Ao continuar sua navegação, você concorda que podemos armazenar cookies no seu dispositivo. Leia nossa Política de Privacidade.